Sobre a Igreja Cristã Contemporânea

Destaque

A Igreja Cristã Contemporânea não é mais uma igreja, mas a representação do amor incondicional de Deus por um por um povo que sofria a dor da exclusão. ‪Desta forma, na contramão de um cenário opressor e um sistema religioso muitas vezes intolerante e alheio às necessidades das minorias (sempre acolhidas pelo Senhor Jesus) o Espírito Santo ergueu a Igreja Cristã Contemporânea como uma resposta a tantos séculos de preconceito.

Hoje o Evangelho é pregado para esta comunidade excluída através desta nação que foi levantada para retirar do cativeiro tantas vidas que viviam oprimidas nas trevas do preconceito, mas que agora têm a oportunidade de brilhar com Jesus no seu Reino de Luz.

O pastor Marcos Gladstone é casado com o pastor Fabio Inacio, pai de quatro filhos: Felipe, Davison, Hadassa e Esther, frutos de adoção conjunta. Fundou a Igreja Cristã Contemporânea em 2006. É pós-graduado lato sensu em Teologia pela Universidade Metodista Bennett – RJ e especialista em Teologia Bíblica pelo Centro de Pós-graduação Andrew Jumper Mackenzie – SP.

Alguém que aceitou um chamado muito especial do Senhor Jesus para lutar contra um estigma social que marcou gerações de pessoas LGBT que estavam párias de um lugar onde pudessem livremente adorar ao Espírito Santo.

Com arrojo e ousadia, caracteriza a sua trajetória rompendo barreiras de intolerância religiosa, quebrando paradigmas humanos, desbravando caminhos de inclusão através da Bíblia em nome do seu ideal maior de vida: levar o amor de Deus a todos, sem preconceitos.

Apresentar a Deus a melhor versão de si para refletir a Luz do Senhor Jesus; amando e acolhendo, sem preconceitos; impactando, curando, transformando e salvando vidas, porque o céu é o nosso maior propósito de vida.

Ser uma poderosa nação de cristãos contemporâneos genuínos, dispostos a se entregarem por completo a este chamado de levar o amor de Deus a todos, sem preconceitos.

  • sorria, Jesus te aceita: este não é apenas o "slogan", sorrir é nosso modo de viver e acolher uma busca incessante. Aqui reconheça coisas boas e positivas nas pessoas. Elogie mais, abrace mais, sorria sempre!
  • Amor e fidelidade ao Espírito Santo, à Igreja Cristã Contemporânea e ao próximo; 
  • Consagração com leitura bíblica, oração, clamor, jejum, propósitos, busca ao Espírito Santo e seus dons.
  • Conversão e transformação o Evangelho converte, liberta de vícios e pecados,  repara traumas emocionais, transforma o caráter. Esse é o Evangelho que pregamos aqui.
  • Gratidão mil vezes é uma honra ter parte na missão de levar o amor de Deus a todos, sem preconceitos. A gratidão sempre retornará em bênção para sua vida.
  • Paixão pelas almas evangelizar é nossa paixão. Tenha sempre um folheto da Contemporânea para entregar a um LGBTQIA+ pelo caminho. Presenteie alguém com "A Bíblia sem preconceitos". Divulgue nossas artes nas redes sociais.
  • Não acepção de pessoas não incluímos apenas LGBTQIA+, somos uma denominação para todos, mas há uma atenção especial a estes.
  • Promova soluções – assuma sua responsabilidade em tudo. Se vê algo que você pode resolver faça, sem esperar outra pessoa a fazer ou criticar porque não foi feito.
  • Rejeitamos a fermentação – quebre essa tendência maligna de fermentar, de procurar defeitos e imperfeições; pare de insatisfações constantes; não contamine o ambiente!
  • Referencial "sê o exemplo dos fiéis..." (1 Timóteo 4,12), fuja da aparência do mal, lembre-se de que a sua postura é reflexo da igreja do Senhor.
  • Santidade o Evangelho não mudou, a diferença da Contemporânea para às demais igrejas evangélicas é o acolhimento a comunidade LGBTQIA+, pecado continua sendo pecado e ponto final.
  • Unidade "E era um o coração e a alma da multidão dos que criam." (Atos 4, 32). Seja alguém que soma, que une, que todos têm prazer em estar ao seu lado.
  • Restauração da hierarquia espiritual fraturas emocionais de rejeição na comunidade LGBTQIA+, tem atrapalhado viver o princípio bíblico da autoridade espiritual. Não estrague a oportunidade de ser uma bênção aqui. Se liberte da raiz de rejeição e sirva uma vida debaixo de autoridade espiritual.
  • Notável lealdade quem serve aqui tem uma história denominacional conquistada com sacrifício. Um ministro só chegará a algum lugar depois de provado e aprovado, por um longo processo de transformação, tempo e lágrimas derramadas. Seja leal em sua vida a estas raízes.
  • chamado a vida abundante Vida escassa é obra do inimigo, Senhor Jesus veio dar vida em abundância (João 10, 10). Vida abundante é ter tudo (em todas áreas) e transbordar. Assim, você tem para si: cresce, prospera, conquista bênçãos (espirituais e materiais) e transborda: impactando vidas, cumprindo seu chamado, fazendo a diferença na vida das pessoas a sua volta, sendo coluna espiritual e financeira no Reino de Deus.
  • Pérolas de reverência no início da Contemporânea, no terceiro andar do sobrado na Lapa, havia uma placa: “Guarda o teu pé, quando entrares na Casa de Deus.” (Eclesiastes 5, 1). Isso significa reverência ao local de culto e ao altar.
  • Memorável recomeço em humildade aqui chegam pessoas na condição de "desigrejados", que já "foram algo" e alguns são escassos de humildade para viver o processo de recomeço. Nada de pressa, aprenda a construir raízes conosco.
  • Maior é sempre quem serve quem chegava ao terceiro andar do sobrado da Lapa, momentos antes de começar os cultos, me via (pastor Marcos Gladstone) com um balde, uma vassoura e um rodo na mão, lavando o banheiro. Tenha paixão por por servir.
  • Fecundo crescimento nossa geração de crentes, infelizmente, foi sendo forjada para nunca ouvir um não. Pessoas egoístas que querem fazer de pastores e líderes seus "reféns emocionais". Atrapalham todo crescimento da igreja, entulham as fontes espirituais. Sem dúvida, o mal da "fragilidade" tem que sair da sua vida.
  • Comunicação à presidência qualquer pessoa na denominação tem a liberdade de comunicar à presidência uma situação que ofenda valores denominacionais. Entretanto, apenas leve algo concreto e que tenha os nomes das pessoas.